Uma das minhas refeições favoritas é pataniscas de bacalhau com arroz de feijão. É daqueles pratos que ao vê-lo num menu de restaurante, peço imediatamente sem continuar a percorrer o menu. Não resisto! É comida tradicional portuguesa no seu melhor. Para mim, uma combinação mágica.
Já tinha feito pataniscas e já tinha feito arroz de feijão mas nunca ambos para uma mesma refeição caseira e era exactamente essa combinação que me estava a apetecer. Encontrei aqui as duas receitas juntas mas o polme das pataniscas ficou líquido e tive que ir adicionado farinha para ficar com a consistência certa. Além disso, o modo de preparação para o arroz não me agradou e, por isso, revisitei a receita de arroz malandrinho que fiz mas com ligeiras alterações.
Caso sobre polme das pataniscas, este pode ser congelada dentro de um saco de conservação de alimentos. Para usar mais tarde, convém descongelar completamente antes de fritar.

Os peixes brancos

Um dos grandes temas da actualidade
é sem dúvida esta panela de esmalte
cheia de peixes brancos como panos
a cozer ao lume perguntar-me-ão
mas o que é que lhe aconteceu com os peixes brancos?
e eu perguntar-vos-ei
o que é acontecer?
esses peixes brancos aconteceram-me
eu mal olhei para eles
eles nem me viram
julgam que com as pessoas de quem
eu estou sempre a falar me aconteceu
muito mais do que com esses peixes brancos?
realmente aconteceu (os peixes brancos ainda não
me feriram) mas elas devem ter-se
apercebido tanto disso como esses peixes brancos
a minha vida está cheia de
importantíssimos peixes brancos
(não são para mim, são para o meu gato)

Adília Lopes
in “Um Jogo Bastante Perigoso”; Dobra – Poesia Reunida,
Assírio & Alvim, Setembro de 2009, Lisboa.

Ingredientes – pataniscas de bacalhau:
200 g de bacalhau demolhado
5 pés de coentros
100 g de cebola
3 ovos
250 g farinha
400 g água
1 pitada de sal

Ingredientes – arroz de feijão:
250 g de feijão encarnado cozido (=1 lata pequena)
30 g de azeite virgem extra
200 g de cebola cortada em quartos
100 g de polpa de tomate
750 g de água
1 c. chá de sal
200 g de arroz carolino

Preparação Thermomix-Bimby:
Desfiar o bacalhau (já sem peles nem espinhas) 2 seg/ colher inversa/ vel 1. Retirar e reservar.
Picar os coentros e a cebola 5 seg/ vel 5. Reserve (juntamente com o bacalhau).
Colocar no copo os ovos, a farinha, a água e programe 2 min/ vel 5.
Adicionar o bacalhau e a cebola reservada e envolver 15 seg/ vel 3.
O polme terá que ter consistência mas nem completamente líquido nem uma papa. Caso fique demasiado espesso adicionar água e se ficar demasido líquido basta ir adicionando farinha.
Para fritar as pataniscas, basta colocar colheradas da massa dentro de óleo abundante e (bem) quente. (Recomendo uma sertã para as pataniscas ficarem planas. Se forem fritas em fritadeira, ficam em bolas.)

Enquanto se fritam as pataniscas, prepara-se o arroz.

Colocar na Varoma o feijão escorrido e reservar.
No copo da Bimby, deitar a cebola, o azeite e a polpa de tomate e picar 5 seg/ vel 5. Refogar 5 min/ Varoma/ vel 1.
Adicionar a água, o sal e o arroz e envolver com a espátula.
Colocar a Varoma e programar 15 min/ Varoma/ colher inversa/ velocidade colher.
Retirar o arroz para uma tigela e envolver com o feijão.
Servir quente.

tempo de preparação: 30min
dificuldade: **
vegetariano: não
para crianças: sim
ingrediente principal: bacalhau


Siga-me aqui: